Cesta de compras
está vazia
Berlebach

A empresa Berlebach produz tripés de madeira estáveis na indústria de produção alemã desde 1898. Os tripés são produzidos em madeira de freixo e possuem uma excelente resistência às condições meteorológicas. Os tripés de madeira são menos suscetíveis a vibrações do que os tripés em metal e também reagem menos a variações de temperatura.
A Berlebach oferece tripés para o âmbito da fotografia e astronomia. Os tripés telescópicos são equipados pela Berlebach com os adaptadores adequados para as montagens astronómicas.
A Berlebach dispõe de uma grande variedade de acessórios para os seus tripés!

Produto 1 - 12 de 322
Ordenar por: Por página:
Produto 1 - 12 de 322
Ordenar por: Por página:

Mais informações sobre a Berlebach

Mais informações sobre a Berlebach

Com o esgotamento dos jazigos de minérios, a madeira das florestas dos montes Metalíferos tornou-se na matéria-prima que caracterizou a região e garantiu o sustento da sua população. A tradicional escultura em madeira, brinquedos e equipamentos desportivos em madeira tornaram os montes Metalíferos mundialmente conhecidos. Neste desenvolvimento, também se enquadra a história da empresa Berlebach Stativtechnik.
Começou em 1898, não muito longe de Dresden, cidade universitária e cultural de Saxónia. Este foi o local onde o comerciante Peter Otto Berlebach construiu os alicerces da mais antiga fábrica alemã de tripés — segundo o nosso conhecimento, é mesmo a única fábrica no mundo que, desde então, tem vindo a desenvolver e a fabricar continuamente tripés de madeira. Quase desde o início que a Berlebach também tem vindo a fornecer os seus tripés e outros acessórios fotográficos de madeira no estrangeiro. Isto encontra-se documentado no “Manual de Exportação de Hamburgo” do ano de 1906. Na altura, principalmente a Inglaterra era o país de exportação mais importante.
Em 1918, o fundador da empresa, Otto Berlebach, reformou-se e vendeu a sua empresa a três ex-colaboradores da fábrica de câmaras Ernemann, de Dresden. Os novos proprietários Dittmar, Biskaborn e Heisinger, técnicos experientes na construção em madeira e metal, bem como no setor comercial, trouxeram para a empresa a sua vasta experiência no ramo da fotografia. Durante muitas décadas, mantiveram a empresa sob propriedade da família. Foi nacionalizada apenas em 1972 e continuou como empresa do Estado de acessórios para fotografia e cinema. Desde tripés de viagem leves a tripés de estúdio pesados, toda a gama de tripés foi produzida para a RDA e para todos os países do Bloco de Leste.


Novo começo

Quando, em 1990, a empresa foi colocada sob administração fiduciária, durante a onda de privatizações que dominara a economia da ex-RDA, surgiu também a oportunidade de um novo começo para a “antiquíssima” fábrica de tripés alemã em Mulda, para esta recomeçar e consolidar as suas tradições de sucesso. Mas antes de isso poder acontecer, seguiram-se três longos anos até que, após intermináveis negociações, a Treuhandanstalt concordou com uma privatização literalmente no último minuto. Wolfgang Fleischer, colaborador executivo da empresa desde 1962 e atual proprietário da Berlebach Stativtechnik, conseguiu salvar a empresa da falência. Comprou os terrenos, as instalações de produção e o nome Berlebach à Treuhandanstalt.
Em julho de 1993 iniciou novamente a construção dos tripés robustos em madeira de freixo. O investimento em máquinas novas para a maquinação de madeira e metal foi fundamental para assegurar uma produção competitiva. Quando a empresa privatizada Berlebach Stativtechnik participou, pela primeira vez, na feira internacional “photokina”, em 1994, e apresentou a sua gama de tripés em madeira de freixo recentemente desenvolvidos e aperfeiçoados, verificou-se um grande interesse pelos produtos. Desde então, a exportação a nível mundial tem vindo a evoluir de forma constante, sendo que atualmente fornecemos os nossos produtos a mais de 25 países.

O que
está a procurar?

Fabricante

 
+ mais
19.10.2021
Nós oferecemos envio para todo o mundo
Moeda
Serviço
Conselho
Contacto