7500+ artigos disponíveis em stock
🎄 Regresso possível até 31.01.2023
Seu parceiro para astronomia
Revista > Prática > Conselhos e Truques > O truque do Telrad: alinhar a montagem com o buscador de projeção
Prática

O truque do Telrad: alinhar a montagem com o buscador de projeção

Uma montagem equatorial vale tanto como o seu alinhamento com o polo celeste. Com este método pouco conhecido, funciona.

Telrad Radiant Frontal Himmel Teleskop

Neste artigo, vamos contar-lhe um pequeno segredo. Porque muitos têm um buscador Telrad ou Radiant, mas não sabem que podem utilizá-lo para alinhar a sua montagem equatorial — e sem recorrer a um buscador polar.

Mas porque é que temos de fazer isso?

As montagens equatoriais simplificam o seguimento de objetos no céu, de forma manual ou motorizada. Para que isto funcione, a montagem tem de ser alinhada de forma precisa com o polo celeste. Para a observação visual, isto não é tão crítico; se for necessário, pode-se corrigir manualmente após alguns minutos, antes de o objeto se afastar demasiado do centro do campo de visão.

Na astrofotografia, a situação é diferente. Pequenos desvios rapidamente se tornam percetíveis e, mesmo que se utilize a autoguiagem ao tirar fotografias, o pré-requisito para uma imagem perfeita é um alinhamento preciso.

Alinhar a montagem com o polo celeste é, infelizmente, um trabalho moroso e alguns telescópios nem sequer têm um buscador polar. A boa notícia: com um buscador de projeção Telrad ou Radiant podemos simplificar consideravelmente o processo.

Passo a passo: como alinhar a sua montagem

O buscador mostra três círculos de 0,5°, 2° e 4° de diâmetro, respetivamente. A estrela polar encontra-se a uma distância aproximada de três quartos de grau do verdadeiro polo celeste.

1. Alinhamos primeiro o buscador na ótica principal. De seguida, movemos a montagem para a posição inicial de modo que a ótica principal fique diretamente por cima do corpo da ascensão reta. Com uma montagem alemã, a barra de contrapeso aponta diretamente para baixo.

2. O eixo de declinação é colocado a 90° — o tubo aponta agora na mesma direção que o eixo da ascensão reta. Neste momento, e até a montagem estar alinhada, não é possível ajustar a declinação e a ascensão reta.

3. Agora colocamos a estrela polar no centro do círculo do buscador através do ajuste do azimute e da altura polar; a montagem está assim alinhada com o polo, com uma precisão inferior a um grau.

Mas é possível ser ainda mais preciso. Para isso é necessário descobrir primeiro a localização da estrela polar na sua trajetória circular. Isso é bastante simples — vamos apenas assumir que, quando olhamos para norte, vemos a seguinte extensão do céu:

Passo a passo: como alinhar a sua montagem
Telrad Ausrichtung Polaris Ringe

A estrela brilhante na margem superior da imagem é a estrela polar. Vemos a constelação Cassiopeia e partes de outras constelações. Entre a Cassiopeia e Perseu está o famoso aglomerado estelar binário h & Chi Perseu. Este aglomerado estelar e a estrela polar têm as mesmas coordenadas de ascensão reta. Neste caso, com o ajuste do azimute e da altura polar, colocamos a estrela polar na seguinte posição no buscador:

Feito! Alinhámos a montagem com precisão em poucos minutos de arco.

Também podemos testar o resultado: quando giramos o telescópio no eixo RA, a estrela polar move-se num círculo concêntrico em torno do círculo mais interior do buscador.

Produtos recomendados